inatel

social



INATEL OUTONO - CERVEIRA  
Data: 02 a 07 outubro 2022 Partidas: Lisboa | Leiria | Castanheira de PÍra | Braga

Itinerário:
A unidade INATEL Cerveira Hotel**** fica localizada em terras do Cervo, onde uma visita ao monumento do animal que dá nome à terra é obrigatória. Depois dê um passeio pela cidade, sede da bienal de arte cuja fama já ultrapassou as fronteiras nacionais.
Com cenários naturais tão diversos, o Alto Minho é o cenário perfeito para os amantes da natureza em estado puro e da história. Os valores naturais, paisagísticos, a biodiversidade e o património edificado, fazem do Minho um destino natural de eleição! 
 
 
1º DIA – CIDADES DE ORIGEM | CERVEIRA
Saída com destino a Cerveira. Refeições livres em circuito. Chegada ao hotel para jantar. Reunião de boas-vindas e apresentação do programa e da região. Alojamento.
 
2º DIA – CERVEIRA | CERVO (MIRADOURO) | CERVEIRA (CENTRO) | PONTE DE LIMA | CERVEIRA
Após pequeno almoço saída com assistente de viagem, para reconhecimento da localidade que escolheu para passar as suas férias. Subida em autocarro até ao Miradouro do Cervo. Este é o miradouro mais conhecido de Vila Nova de Cerveira. Localizado numa colina denominada Alto do Crasto e junto à escultura do Cervo, uma popular obra em ferro da autoria do escultor José Rodrigues que presta homenagem ao símbolo da vila onde, antigamente, abundavam veados, este local situado a 300 metros de altitude, espanta pela vista de extrema beleza e imponência. Daqui poderá vislumbrar grande parte do rio Minho, desde a passagem por Valença até à foz, em Caminha. Do outro lado, vê-se o concelho de Tomiño, já na Galiza. Do lado de cá poderá ver uma parte do concelho de Vila Nova de Cerveira, assim como a Serra da Arga e a Serra de Góis. No centro do rio encontra-se a ponte internacional – mais conhecida como Ponte da Amizade, que liga Cerveira a Goián –, as ilhas da Boega e dos Amores. Continuação de circuito até ao centro de Vila Nova de Cerveira. Percurso pedonal pela localidade com passagem pelos locais mais emblemáticos. Regresso ao hotel para almoço. Após almoço saída para visita a Ponte de Lima. Circuito pedonal pela localidade conhecida como a “Vila mais antiga de Portugal”. Tempo livre. Regresso. Jantar. Noite livre e alojamento.
 
3º DIA – CERVEIRA | CAMINHA | CERVEIRA
Manhã livre para atividades de caráter pessoal. Almoço no hotel. Após almoço saída para visita a Caminha. Circuito pedonal pela localidade com passagem pelos locais mais emblemáticos. Na vila destacam-se o que resta do Castelo e muralhas defensivas, a bonita Igreja Matriz do século XV, a da Misericórdia do século XVI, o curioso conjunto de casas manuelinas e renascentistas na pitoresca Rua Direita, conhecidas pelas “oito casas”, e aquele que é um símbolo da cidade (a par da idílica foz): a Torre do Relógio (entrada não incluída), a única existente das três portas de entrada na vila do Castelo, que constituía o principal acesso da vila. Tempo livre. Regresso ao hotel para jantar. Após o jantar, espera-nos uma noite animada com música ao vivo. Alojamento.
 
4º DIA – CERVEIRA | VALENÇA | PAREDES DE COURA | CERVEIRA
Após o pequeno-almoço, saída em direção a Valença. Conhecer a Fortaleza de Valença, é percorrer as memórias de 2000 anos das páginas mais marcantes das aventuras históricas de Portugal e Espanha. Uma joia da arquitetura militar abaluartada, com 5 Km de muralha, uma Fortaleza Viva e multicultural.
O casario, as construções militares, as igrejas, as vistas para o rio Minho, a antiga ponte metálica e Tui medieval completam-se num quadro singular. Valença foi bastião militar da defesa da independência de Portugal e é hoje, um espaço aberto ao mundo e símbolo das relações entre Portugal e Espanha. Tempo livre. Regresso ao hotel para almoço. Após almoço saída para visita a Paredes de Coura. Visita guiada ao Museu Regional (ingresso incluído). Inaugurado em outubro de 1997, o Museu Regional de Paredes de Coura é uma infraestrutura de iniciativa autárquica, através da qual se pretende promover, conservar e divulgar os bens culturais do concelho de Paredes de Coura junto da população residente e, simultaneamente, fomentar a afluência de outros visitantes, sobretudo do distrito de Viana do Castelo e da Galiza.  A intervenção arquitetónica nos imóveis que dão corpo ao museu consistiu na reconversão das construções já existentes – casa dos proprietários, casa dos caseiros e anexos agrícolas –, na construção de um novo espaço de ligação entre as duas primeiras estruturas e no ajardinamento da Quinta. As coleções expostas são diversas e encontram-se distribuídas pelos diferentes espaços do museu. Paredes de Coura foi conhecida como o “Celeiro do Minho” devendo-se esta definição à sua forte ligação à agricultura e, principalmente, ao cultivo do milho. Convidámo-lo à realização de um “Atelier de Biscoitos”. Este “Ateliê de Biscoitos” permite dar a conhecer esta iguaria, que tem o milho como principal elemento, característico da região. Será dado a conhecer e a elaborar todo o circuito da confeção de biscoitos, desde os ingredientes à sua cozedura em forno de lenha. No final segue-se a prova. Tempo ainda para recuar no tempo e passar o resto da tarde numa atividade de Jogos Tradicionais. Regresso à unidade hoteleira para jantar. Noite livre. Alojamento.
 
5º DIA – CERVEIRA | VIANA DO CASTELO | SANTA LUZIA | CERVEIRA
Manhã livre para atividades de caráter pessoal. Almoço no hotel (antecipado). Após almoço saída para visita a Viana do Castelo e Santa Luzia. Visita ao Navio Hospital Gil Eannes (ingresso incluído). O Navio Hospital Gil Eannes foi construído em Viana do Castelo nos Estaleiros Navais de Viana do Castelo. Iniciou a sua atividade como hospital em 1955, apoiando durante décadas, a frota bacalhoeira portuguesa que atuava nos bancos da Terra Nova e Gronelândia. Em 1998, a Fundação Gil Eannes, FP, considerando-o património cultural e afetivo da cidade, resgatou-o da sucata por cerca de 250 mil euros, após uma inédita campanha que envolveu todos os estratos sociais vianenses. Em 31 de Janeiro de 1998, foi recebido festivamente na Foz do Lima, onde, depois de limpo e restaurado, foi aberto ao público, assumindo-se como Pólo de atratividade para Viana do Castelo. A reconversão transformou-o num espaço museológico, integrando salas de exposição, sala de reuniões e loja de recordações. Após visita, circuito pedonal pela cidade. Tempo livre. Regresso à unidade hoteleira com subida à Serra de Santa Luzia. Também designada por Monte de Santa Luzia, fica sobranceiro à cidade de Viana do Castelo. Do miradouro, a 249 metros de altitude, as vistas recaem sobre a cidade, o vale do Lima e o mar. No alto, destaca-se a Basílica de Santa Luzia. Continuação de circuito de regresso ao hotel. Jantar. Após jantar, e para acabar a semana em beleza, divirta-se com uma noite de música ao vivo para dançar. Alojamento.
 
6º DIA – CERVEIRA | CIDADES DE ORIGEM
Após pequeno-almoço, regresso às localidades de origem, com refeições livres em circuito.
 
Nota: Programa sujeito a alterações. 
Mínimo de 30 participantes.

 



PREÇO POR PESSOA DESDE: : 380 €

O preço inclui:
  • transporte em autocarro entre as localidades de origem e de destino e para a realização de passeios turísticos;
  • 5 noites de alojamento em Hotel INATEL; 
  • refeições: 4 almoços e 5 jantares com bebida incluída (1 bebida individual, de cápsula, alcoólica ou não, com a capacidade mínima de ¼ de litro); 
  • 5 passeios turístico-culturais;
  • 1 circuito pedonal de reconhecimento da localidade onde se insere a unidade hoteleira; 
  • acompanhamento por um assistente turístico INATEL; 
  • seguro de acidentes pessoais.
 
 

O preço não inclui:
  • taxa de reserva (€10);
  • todos os serviços não indicados como incluídos; 
  • as refeições durante as viagens de ida, entre os locais de origem e os locais de destino, e durante as viagens de regresso, entre os locais de destino e os locais de origem.
 
 




Inatel